Inspirações
da Marmomacc

Por Fah Maioli

Na sua 48ª edição, a Marmomacc - feira internacional dedicada aos operadores mundiais do setor marmóreo-lapidário -, realmente na sua 48ª edição, realmente surpreendeu com as propostas apresentadas no pavilhão de Verona (Itália). O salão aconteceu de 25 a 28 de setembro.

Segundo dados da Confindustria Marmomacchine, associação dos fabricantes e usuários de máquinas e equipamentos para a transformação de pedras, este setor e seu complexo (materiais e tecnologias) vale 3,8 milhões de euros e exportou em 2012 perto de 65% de sua produção. Principalmente para os países árabes em seu boom de construção, que solicitam apenas materiais diferenciados e com alto valor estético.

Um dos motivos do sucesso do evento foi a escolha em conjugar negócios, design e cultura do produto, fazendo dessa manifestação um momento importante de confronto, inovação e formação.

Mármore: Esta é uma rocha composta, em maior parte, por carbonato de cálcio (CaCO3) que se forma através de um processo milenar. Objetos com este material já eram realizados na época neolítica (a idade da pedra trabalhada). Na imagem, vemos a extração no Norte italiano e um tampo com o material extraído.

Granito: Esta é uma rocha que pode apresentar cristais internos e seu nome deriva do latim granum (grãos), com a referência à sua estrutura holocristalina que contém quartzo (20 a 60%). Na Itália são muito comuns as montanhas de rochas graníticas, como nos Alpes, em Calábria e Sardenha.

O Marmomacc & Design, evento de Arquitetura e Design de valor internacional, mostrou projetos denominados de “design lítico”, que nasceram do desejo de criar uma sinergia entre as empresas expositoras e os jovens projetistas, sobre a experimentação no design da pedra.

O tema Pietra Fluida, do projeto idealizado por Aldo Colonetti e Paolo Baldessari, desenvolveu-se combinando as empresas a alguns projetistas especializados em Design tradicional, mas também com novas tecnologias, nas linguagens visuais e instrumentos multimídia. A pedra veio interpretada em chave moderna e inovadora, tornando-se dúctil e flexível, emergindo como produto fantástico tanto em nível de material quanto de comunicação.

O conceito de pedra fluída

Nestes tempos de sociedade líquida (Bauman) e da grande desregulamentação de princípios morais e éticos, também a pedra perde a sua fisicidade, a sua 'dureza', o seu movimento 'estático' e se torna fluida.

Ela, agora, assume representações não apenas arquitetônicas ou escultóricas e pode ser reinterpretada adaptando as próprias peculiaridades as novas linguagens e a renovadas utilizações. A sua estaticidade é, então, derrubada na feira através de instalações, imagens, ilustrações gráficas e filmagens, pelos especialistas como arquitetos, designers, gráficos, ilustradores, cineastas e experts em sound design, apenas para dar uma ideia. Tudo isso com um conceito como fio condutor: o da fluidez.

Foram excelentes as Mostras resultantes da parceria entre empresas e designers, com foco na criatividade e na inovação. Entre estas destacou-se a "Structural Stone",com curadoria de Claudio D’Amato Guerrieri e Giuseppe Fallacara que apresentou protótipos e projetos de arquitetura lítica de alto valor técnico-construtivo. Entre as empresas participantes sobressaíram Marmi Iannone e Tarricone Prefabbricati, com as obras Tensegrilithic e E.L.I.C.A. Scala Elicoidale Ri_composta.

A Tensegrilithic (Design G. Fallacara, M. Stigliano), na primeira imagem, nasce inspirada no termo “Tensegrity“, criado em 1955 do arquiteto Richard Buckminster-Fuller, e é a combinação de “tensile” e “integrity“. Já Scala Ricomposta (Design G. Fallacara), nas imagens, é uma escada helicoidal em elementos modulares, pré-fabricados em cimento armado e granulado de pedras.

Prêmio internacional Architetture di Pietra

A Marmomacc 2013 também apresentou a 13ª edição do famoso Premio Internazionale Architetture di Pietra, que celebra as melhores produções arquitetônicas realizadas mediante o uso da pedra. Os jurados analisaram 29 obras de todo o mundo feita nos útlimos 3 anos e escolheu as seguintes:

  • ALBERTO CAMPO BAEZA

    Sede do Conselho de Castiglia e Léon - Zamora, Espanha

    ALBERTO CAMPO
  • MAX DUDLER

    Centro de visitação do castelo - Heidelberg, Alemanha

    MAX DUDLER
  • MIAS ARQUITECTES

    Recuperação de áreas urbanas - Banyoles, Girona, Espanha

    MIAS ARQUITECTES
  • CARL FREDRIK SVENSTEDT

    Stone House - Luberon, França

    CARL FREDRIK
  • ARUP ASSOCIATES

    Druk White Lotus School - Ladakh, Índia

    ARUP ASSOCIATES

Os novos lançamentos da Lithos Design, que é especializada em revestimentos 3D em mármore, com retroiluminação, foram os únicos produtos que nasceram da união entre design, trabalho de superfície sobre três dimensões e profundos estudos luminotécnicos aplicados às propriedades translúcidas do mármore, ou seja, intrinsecamente vinculados ao 'problema da pedra'.

A fonte de luz (fluorescente ou LED) é independente para cada módulo, para garantir uma retroiluminação uniforme (como vemos nas imagens) originando uma união estética impecável e múltiplos usos decorativos:

os revestimentos são de forte impacto mesmo se estão sem luz e alcançam o máximo glamour combinando retroiluminação e luz difusa. A luz produzida é realmente impactante, pois revela cada detalhe do desenho, cada diferença de inclinação, do trabalho realizado na superfícies.

Os resultados são fascinantes efeitos luminosos e ornamentais, inéditos e surpreendentes, que devem conquistar o mundo dos interiores. A Lithos Design é composta de oito modelos com os nomes de estrelas: Alcor, Antares, Mizar, Naos, Polare, Rigel, Sirio e Vega e já está no mercado italiano. A empresa que a produz lançou também a linha Opus Motus, uma homenagem aos grandes artistas do mosaico (no detalhe, vemos o piso da Basílica de San Marco em Veneza), interpretados de forma contemporânea.

Uma instalação de destaque na feira foi a Stone Gate, que é um grande desafio de equilíbrio entre massa, peso e gravidade, realizado graças a importantes estudos de engenharia. O anel que vemos nas fotos, em pedra natural (no caso, Bardiglio o Nuvolato di Carrara) tem a altura de 3,80 m, profundidade de 1,20 m e um peso total de 27.300 kg. É projetado com um sistema de 20 conchas-base modulares unidas seco através de uma estrutura que se torna autoportante graças a compressão das cintas de aço internas a esta. O vídeo da instalação pode ser visto abaixo:

Fique por dentro!

Já conhece o Projeto conteúdo?

O Projeto Conteúdo é uma iniciativa da Alternativa Editorial/Revista Móbile, especializada em comunicação para o setor moveleiro. Os temas abordados são relevantes e focados em tendências para o mobiliário, design de móveis e comportamento de consumo.

Cadastre-se e fique por dentro das novidades do mundo da decoração.